Integrando Aplicações SaaS e Cloud

Sam Green – The Creative and Content Manager at Magic Software.

A integração de aplicações de negócios sempre foi uma questão presente. E então a “Nuvem”  veio e tornou a situação mais complicada:

As empresas precisam agora estudar como integrar e sincronizar aplicações adequadamente, algumas das quais estão em servidores da própria empresa ou premises (sistemas ERP por exemplo), e outras são acessados via internet/browser (sistemas CRM ou sistemas de email são altamente populares entre as empresas).

Com cerca de 70% de empresas já estão utilizando aplicações SaaS/Cloud ou considerando migrar  para a nuvem. Pesquisa do Mimecast (http://www.mimecast.com/) acha que a segurança e a integração são dois dos principais temores das empresas que visam a migração para a nuvem.

Apesar das dificuldades conceituais envolvidas na análise sobre uma integração on-premise para uma integração on-demand, a realidade é que ela não é mais complexa ou difícil de atingir do que um cenário comum de uma integração on-premise para on-premise. Especialmente se você está utilizando uma ferramenta que vem com um código pré-escrito (poupando as empresas de escrever o código manualmente, como o C#) e adaptadores criados especialmente para sistemas on-demand como o Salesforce.com, bem como adaptadores on-premise como SAP, IBM i, JDE, Lotus Notes, Microsoft Dynamics CRM, HL7 e mais…

Então ao final, as empresas que consideram a aquisição de aplicações SaaS e Cloud já podem ter o medo da integração fora de suas listas de preocupações.

Aqui está um cenário comum de integração on-premise para on-demand explicado visualmente. Confira!

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=FG_iKZon1xg]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.