O Poder Inexplorado do uniPaaS 2.0

Manoel Frederico

Desde o lançamento do uniPaaS 2.0 (em 2011), temos tentado mostrar a toda a comunidade MAGIC o que realmente isso significa para os profissionais de desenvolvimento de sistemas, e o quanto esta versão é significativa (um marco) na história do produto.

 

A mensagem que estamos querendo passar é: praticamente não há mais limitações.

 

Se a especificação de desenvolvimento pode ser realizada com o MS.NET (e se não puder, você está realmente diante de um grande desafio), então ela pode ser feita com o uniPaaS!

Isso significa um ‘sem número’ de novas possibilidades!

Entretanto, é preciso enxergá-las.

Talvez a maneira mais fácil de ver isso seja através dos recursos (necessários) que não estão na biblioteca nativa (módulo de Deployment) da ferramenta.

Imagine a seguinte situação:

Você possui uma demanda para calcular o hash MD5 de um valor (um texto, por exemplo).

Pesquisando a biblioteca de funções do uniPaaS, você não encontrará uma rotina (função) pronta para esta finalidade.

 

Mas observe que:

  1. Se o uniPaaS permite criar novas funções (de usuário)
  2. Se o MS.NET possui classes para calcular o MD5  (ver aqui)…
  3. Se o uniPaaS pode acessar estas classes diretamente…

Então, o problema tá resolvido!

 

Bastaria apenas:

  1. Criarmos uma nova função para esta finalidade:

 

  1. Acessar as classes MS.NET que executando este trabalho:

 

  1. E usar esta nova função em qualquer programa uniPaaS:

 

 

Viu como é simples, fácil, direto?

E já está disponível para você!

 

Consulte o DevNET (aqui), assista ao Webinar (aqui) e entre de vez no futuro do uniPaaS.

Aproveite o que já pode ser seu!

 

NOTA: O projeto exemplo sobre o hash MD5 pode ser baixado neste endereço (uniPaaS 2.0a).

 

Manoel Frederico Silva
Product Manager & MAGIC Evangelist / Magic Software Brasil 

 

 

Novo Comentário